Malafaia “profetiza” o fim do império da Rede Globo

8
ProgramaNoitecomDeusNovo.jpg

Após as reportagens no Fantástico deste domingo (8), vários pastores e líderes se manifestaram contrários ao modo como a rede Globo tratou o assunto da erotização de crianças. Foram três matérias que mostraram uma orquestração da emissora contra os evangélicos e os conservadores do país.

Primeiramente, o Fantástico insistiu na tese que os traficantes que derrubaram terreiros de religião afro são evangélicos. Essa contradição de termos vem sendo usada por parte da imprensa por que, em alguns dos vídeos divulgados sobre os incidentes, os bandidos usam o nome de Jesus.

BANNERPUBLICIDADE720x90.jpg

Depois, foi feita uma tentativa de justificar as mostras que, em nome da arte, expos adultos e crianças a cenas de nudez, pedofilia, zoofilia e vilipendio da fé cristã. A maneira como a emissora abordou o assunto tentou colar o rótulo de “discurso de ódio” em todos os que se revoltaram contra exposições como o Queermuseu em Porto Alegre e a atual mostra no Museu de Arte Moderna de São Paulo.

Por fim, foi apresentada uma matéria que sutilmente tentou apresentar a ideologia de gênero como “brincadeira de criança”. Grande parte dos brasileiros não gostou da maneira como a emissora carioca tenta impor sua agenda sobre os expectadores e a hashtag #Globolixo foi uma mais utilizadas do mundo.

O pastor Silas Malafaia também decidiu se manifestar sobre o assunto e publicou um vídeo onde, visivelmente irritado, “profetiza” contra a rede Globo.

Como psicólogo, ele lembrou que as crianças não sabem a diferença entre informação, sugestão e ordenança, por isso a erotização precoce pode gerar uma série de problemas de desenvolvimento.

Citando o livro “Eros e a Civilização”, do comunista alemão Herbert Marcuse, Malafaia procurou mostrar como o discurso da rede Globo e dos movimentos de esquerda no país fazem parte de um movimento orquestrado, que tem um objetivo declarado de se opor à ideia da família tradicional.

O pastor deixou claro que, quando os conservadores se manifestam contrários às mostras, não significa que desejam censurar movimentos artísticos. “Quer mostrar pornografia? Bota lá que é proibido para menor de 18 anos”, lembrou.

Para Malafaia, a rede Globo está querendo “mudar o foco” dos debates que tem dominado as redes sociais nas últimas semanas. Ele desafiou os “artistas da Globo” a tentarem fazer na Europa ou nos Estados Unidos uma performance que ponha um homem nu interagindo com crianças. Alertou que acabariam presos.

“Cambada de dissimulados… Vocês são covardes, cínicos”, bradou, antes de fazer uma previsão. “Essa é a derrocada da Globo, vocês estão mexendo naquilo que é precioso para Deus, que são as crianças”.

Fiel ao seu estilo, o pastor não citou versículos bíblicos, mas fez questão de lembrar que existem diversas leis no país que protegem as crianças. Esse tipo de exposição as contraria, por isso cobrou uma ação concreta das autoridades.

Segundo ele, a indignação não é só dos evangélicos, mas de toda a sociedade brasileira. Na sequência, em tom profético, anunciou: “Quero mandar um recado pra vocês. Acabou o império da comunicação, hoje tem redes sociais, nós não vamos nos calar. A sociedade está revoltada”.

Para o líder do ministério Vitória em Cristo, não adianta proporem um boicote a certos programas da Globo, como alguns tem defendido nas redes sociais. “Temos que apagar a Globo, pois é uma afronte à família”, asseverou. Finalizou dizendo que “Há uma revolta, uma indignação dos brasileiros”.

Assista:

Fonte: Gospel Prime

VEJA AQUI AGORA: Este é o seu canal de notícias no Youtube.
Dr. Lair Ribeiro Quebra o Silêncio e Fala do Seu Envolvimento no Tratamento de Marcelo Rezende

BannerElos640x90.jpg